Vacinas.com.br Agende suas vacinas
Home Blog Vacinas Fila da vacina: Entenda a ordem de vacinação contra o COVID-19 no Brasil

Compartilhar com

Compartilhar com Facebook Compartilhar com Twitter Compartilhar com Whatsapp
Vacinas 14 abr 2021 | AUTOR: Equipe Vacinas.com.br

Fila da vacina: Entenda a ordem de vacinação contra o COVID-19 no Brasil

A ordem de vacinação contra a COVID-19 foi estabelecida pelo Ministério da Saúde, juntamente com os princípios da Organização Mundial da Saúde (OMS) e acordada com entidades como o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems). Veja a ordem de vacinação no Brasil: 

Quais são os grupos prioritários da vacina?

Com o objetivo de garantir o funcionamento dos serviços de saúde, a proteção dos cidadãos com maior risco para Coronavírus e a preservação do funcionamento dos serviços essenciais, o Ministério da Saúde definiu a prioridade da vacina para determinados grupos. Entenda melhor no tópico de ordem de vacinação. 

Quem deve tomar a vacina contra o coronavírus?

A imunização é indicada para quase todas as pessoas. Manter o calendário vacinal em dia é de suma importância para melhorar a situação da saúde pública. 

Ordem de campanha nacional de vacinação contra o COVID-19 por prioridade:

A ordem estipulada pelo Plano de Vacinação do Ministério da Saúde, é: 

  • Pessoas com 60 anos ou mais institucionalizadas;
  • Pessoas com deficiência institucionalizadas;
  • Povos indígenas vivendo em terras indígenas;
  • Trabalhadores de saúde;
  • Pessoas de 80 anos ou mais;
  • Pessoas de 75 a 79 anos;
  • Povos e comunidades tradicionais ribeirinhas;
  • Povos e comunidades tradicionais quilombolas;
  • Pessoas de 70 a 74 anos;
  • Pessoas de 65 a 69 anos;
  • Pessoas de 60 a 64 anos;
  • Comorbidades;
  • Pessoas com deficiência permanente grave;
  • Pessoas em situação de rua;
  • População privada de liberdade;
  • Funcionários do sistema de privação de liberdade;
  • Trabalhadores da educação do Ensino Básico (creche, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizantes e EJA);
  • Trabalhadores da educação do Ensino Superior;
  • Forças de segurança e salvamento;
  • Forças Armadas;
  • Trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros;
  • Trabalhadores de transporte metroviário e ferroviário;
  • Trabalhadores de transporte aéreo;
  • Trabalhadores de transporte aquaviário;
  • Caminhoneiros;
  • Trabalhadores portuários;
  • Trabalhadores industriais.

Quais são as contraindicações da vacina do COVID-19?

A vacina COVID-19 é contraindicada para pessoas que apresentam quadro de anafilaxia (alergia grave) a algum componente da vacina ou a dose anterior da imunização. Pacientes com febre, doença aguda e início agudo de doenças crônicas também não devem receber a vacina até se restabelecerem. 

Quais são as vacinas do COVID-19 que estão sendo aplicadas no Brasil?

As vacinas contra Coronavírus disponíveis no Brasil, são: 

Vacina do Instituto Butantan e Sinovac (CoronaVac)

A CoronaVac, que está sendo desenvolvida pelo Instituto Butantã e Sinovac, prevê 46 milhões de doses no primeiro semestre de 2021 e 54 milhões no segundo semestre. 

A eficácia da CoronaVac é de 50,38% menos risco de contrair a doença, 78% para infecções leves e 100% para casos graves e moderados da doença. 

Vacina da Fiocruz e AstraZeneca/Oxford

A vacina da Fiocruz e AstraZeneca, prevê 102,4 milhões de doses aplicadas até julho e em torno de 110 milhões no segundo semestre, oriundas de produção nacional. 

Já existe alguma vacina na rede particular contra COVID-19?

Não. Por enquanto a vacina COVID-19 está disponível apenas nos serviços públicos de vacinação para os grupos considerados prioritários. 

Fonte

Ministério da Saúde. Entenda a ordem de vacinação contra a Covid-19 entre os grupos prioritários. Disponível em: https://www.gov.br/saude/pt-br/assuntos/noticias/entenda-a-ordem-de-vacinacao-contra-a-covid-19-entre-os-grupos-prioritarios

Comentários