Vacinas.com.br Agende suas vacinas
Home Blog Vacinas Meningite: quais os sintomas, os tipos e o tratamento

Compartilhar com

Compartilhar com Facebook Compartilhar com Twitter Compartilhar com Whatsapp
Vacinas 23 abr 2020 | AUTOR: Equipe Vacinas.com.br

Meningite: quais os sintomas, os tipos e o tratamento

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), foram relatados mais de 1 milhão de casos de meningite nos últimos 20 anos e 100 mil mortes pela doença.

Mesmo sendo diagnosticada rapidamente e iniciando um tratamento adequado, de 5% a 10% dos pacientes não resistem a doença. Sem tratamento, a porcentagem dos casos que podem resultar em morte é de 50%.

O que é meningite?

O que é meningite?

A meningite é uma infecção nas meninges, membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal. Pode ser causada por vírus, fungos e bactérias.

Segundo o Ministério da Saúde, a doença pode atingir todas as faixas etárias, sendo as crianças o grupo com maior risco.

 A bactéria Neisseria meningitidis é a causadora da meningite bacteriana – mais comum em crianças e adolescentes. Já a meningite viral acomete crianças e adultos, mas costuma ser menos grave que a meningite bacteriana.

Sintomas

Quais os sintomas de meningite?

Os sintomas podem variar de acordo com o tipo de meningite, a idade da pessoa e também caso a caso. Os sinais mais comuns são:

  • Febre alta;
  • Náuseas ou vômitos;
  • Sonolência;
  • Dores fortes de cabeça;
  • Confusão mental;
  • Dores nas articulações.

 Um sinal muito importante a ser observado nos casos de meningite bacteriana, é o aparecimento de manchas avermelhadas pelo corpo. Pode ser feito um teste com um copo para ajudar no diagnóstico.

O teste consiste em pressionar um copo de vidro sobre as manchas e verificar se elas se mantêm e se podem ser vistas através do copo. Isso significa que houve extravasamento de sangue para a pele.

Mulher com dores na cabeça

Como detectar?

Diagnóstico: Como detectar meningite?

O diagnóstico é feito por um exame realizado através de uma punção lombar, e consiste na retirada de uma pequena quantidade de líquido que fica entre as meninges.

 O exame é capaz de mostrar se há infecção nas meninges e qual é o agente causador para a escolha do melhor tratamento para o caso. 

O que causa?

O que causa meningite?

A meningite pode ser causada por três agentes infecciosos principais:

  • Bactérias: geralmente transmitidas por gotículas e secreções do nariz e garganta,
  • Vírus: diferentes vírus como enterovírus e vírus da caxumba podem ser causadores de meningite.
  • Fungos: raramente, a inalação de esporos de fungos, pode atingir os pulmões e depois, as meninges. Esta forma de meningite é mais comum em pessoas com alguma condição de imunodepressão.
Quais os tipos?

Tipos de Meningite mais comuns no Brasil

O tipo de meningite mais comum no Brasil é a viral, que geralmente não costuma ser grave.

Já a meningite bacteriana, embora um pouco menos comum, é a que causa quadros mais graves. A bactéria causadora de meningite mais frequente no Brasil é a  Neisseria meningitidis (ou meningococo).

Há 12 tipos diferentes de meningococos, sendo os mais comuns no país o B, C, W e Y.

Algumas causas de meningite são atualmente muito raras no Brasil devido à alta cobertura para algumas vacinas. Este é o caso da meningite tuberculosa, que pode ser muito grave quando uma criança abaixo de um ano entra em contato com o Mycobacterium tuberculosis. Diferente do adulto, que geralmente apresenta a forma de tuberculose pulmonar, a criança pequena que se infecta pelo bacilo da tuberculose pode ter formas de doença disseminada, como a que atinge as meninges. Ao receber a vacina BCG logo após o nascimento, a criança se torna protegida contra esta causa importante de meningite.

Outra causa de meningite bacteriana que é muito rara atualmente em nosso país é a causada pelo Haemophilus influenzae tipo b. Antes da introdução da vacina para esta bactéria há 20 anos, muitas crianças pequenas tinham uma meningite que era causa de óbitos e sequelas importantes.

Meningite bacteriana

É o tipo de meningite mais grave e mais letal.

 Como é a transmissão da meningite bacteriana?

 As bactérias que causam esse tipo de meningite são transmitidas de pessoa a pessoa através das gotículas de vias respiratórias, secreções do nariz e garganta.

Mais raramente, pode ocorrer meningite causada por bactérias menos comuns através de alimentos infectados com essas bactérias.

Há casos em que o indivíduo pode ser portador da bactéria, porém não apresentar nenhum sintoma e, mesmo assim, transmiti-la para outras pessoas.

Sintomas da meningite bacteriana

Os sintomas mais comuns da doença são:

  • Febre alta;
  • Dor de cabeça intensa;
  • Vômitos;
  • Irritabilidade;
  • Manchas avermelhadas na pele;
  • Confusão mental;

Tratamento

Por ser altamente contagiosa, a meningite bacteriana deve ser tratada em hospital com antibióticos, devendo o paciente ficar em isolamento no início do tratamento. 

Meningite viral

A Meningite Viral geralmente é mais benigna e pode ser tratada com maior facilidade.

Como é a transmissão da meningite viral?

É transmitida por meio de contato próximo, por isso caso o paciente seja tratado em casa, é necessário tomar cuidado para não ter contato com muitas pessoas.

Sintomas da meningite viral

Os principais sintomas são:

  • Febre;
  • Dor de cabeça;
  • Irritabilidade
  • Perda de apetite;
  • Náuseas ou vômitos. 

Tratamento

O controle da doença pode ser feito com analgésicos e antitérmicos e geralmente o tratamento pode ser feito em casa, seguindo orientações médicas.

Meningite fúngica

É o tipo de meningite mais raro, ocorrendo principalmente nos pacientes imunossuprimidos, como indivíduos com câncer e os portadores de infecção pelo HIV não controlada.

Como é a transmissão da meningite fúngica?

A meningite fúngica não é transmissível de pessoa a pessoa, independente do seu estágio.

Sintomas da meningite fúngica

Os sintomas comuns são:

  • Dor de cabeça forte;
  • Cansaço e sonolência;
  • Convulsões;
  • Confusão mental.

Tratamento

O tratamento dessa doença é feito com o paciente internado em hospital através de antifúngicos por via endovenosa.

Meningite atuando no cérebro humano

Qual o tipo de meningite mais grave que pode acometer as pessoas em geral?

A meningite mais perigosa é a causada por bactérias, que pode rapidamente levar o paciente a óbito. Além disso, mesmo alguns pacientes que se curam podem apresentar sequelas por toda a vida.

Vacinas

Quais as vacinas contra meningite?

O Sistema Único de Saúde (SUS) disponibiliza quatro tipos de vacinas que previnem a meningite bacteriana, são elas:

  • Vacina BCG:  previne a meningite tuberculosa;
  • Pentavalente: protege contra a meningite causada pelo tipo B
  • Meningocócica C: previne a meningite bacteriana causada pelo meningococo do sorogrupo C;
  • Vacina Pneumocócica 10-valente: protege contra a meningite causada por dez sorotipos de Streptococcus pneumoniae.

 Além dessas vacinas, também é possível encontrar nas redes privadas de saúde:

  •  Vacinas para os sorogrupos A, B, C, W e Y de meningococo.

 Há uma vacina que previne os sorogrupos de meningococo A, C, W e Y e uma outra vacina que previne o meningococo do sorogrupo B.

 

Veja onde se vacinar em Locais de Aplicação

 

Fontes

https://saude.abril.com.br/medicina/o-que-e-meningite-causas-sintomas-tratamentos-e-a-vacina/

https://www.minhavida.com.br/saude/temas/meningite

https://guiadafarmacia.com.br/entenda-os-diferentes-tipos-de-meningite-e-como-evita-los/

Vacinas relacionadas