Vacinas.com.br Agende suas vacinas
Home Blog Vacinas OMS aponta que as vacinas evitam 4 mortes por minuto e economia de R$250 milhões de reais por dia
Vacinas 02 out 2020 | AUTOR: Equipe Vacinas.com.br

OMS aponta que as vacinas evitam 4 mortes por minuto e economia de R$250 milhões de reais por dia

A importância da vacinação é algo que devemos defender diariamente. A vacinação protege não apenas você de doenças infecciosas, mas toda uma comunidade, diminuindo significativamente os números de óbitos anuais e de pessoas hospitalizadas.

A Organização Mundial da Saúde aponta que as vacinas são responsáveis por evitar pelo menos 4 mortes por minuto ao redor do mundo. Além disso, as imunizações geram economias para os países, podendo poupar R$250 milhões diariamente.

Qual a importância da vacinação para a saúde pública?

A imunização salva milhões de vidas todos os anos. As vacinas reduzem os riscos de contrair doenças perigosíssimas e agem ativando as defesas naturais do seu corpo a conferirem proteção.

As estratégias de vacinação já protegem contra pelo menos 31 doenças humanas e isso é de grande importância para a saúde pública do Brasil e do mundo.

A imunização é capaz de prevenir 2-3 milhões de mortes todos os anos de doenças como difteria, tétano, coqueluche, influenza e sarampo. As vacinas são um componente fundamental da atenção primária à saúde e um direito humano inegável.

O que acontece quando a cobertura vacinal diminui e cada vez menos pessoas se vacinam?

Mesmo com o grande progresso da vacinação, muitas pessoas ao redor do mundo – incluindo quase 20 milhões de bebês a cada ano – não têm acesso às vacinas. Isto é muito preocupante, uma vez que este retrocesso pode prejudicar todos os avanços anteriores.

Se as pessoas que têm acesso às vacinas não se vacinarem, podem causar um impacto muito grande não apenas no combate às doenças, mas também no âmbito econômico e social.

“Quando temos um surto de uma doença, as pessoas deixam de visitar nosso país, ou seja, o turismo diminui, os eventos internacionais são reduzidos, levando a uma menor circulação de dinheiro no momento em que mais precisamos” – Explica Carla Domingues, coordenadora do Programa Nacional de Imunizações (PNI).

Hoje o Brasil não tem nenhum caso de pólio, de difteria ou de coqueluche, doenças que podem ser mortais, graças ao programa de imunização. Portanto, campanhas frequentes de como é importante se vacinar são extremamente necessárias. 

Impactos das vacinas no Brasil

No Brasil, muitas doenças estão controladas e não fazem novas vítimas já há um tempo. Isso graças ao esquema vacinal brasileiro que é organizado por faixa etária e precisa estar atualizado.

As vacinas são as melhores formas de prevenção e segurança contra doenças que podem ser mortais.

 

Saiba mais: Vacinas na gravidez

 

Fonte

World Health Immunization. Vacinas e Imunizações. Disponível em: https://www.who.int/health-topics/vaccines-and-immunization#tab=tab_1