Vacinas.com.br Agende suas vacinas
Home Vacinas HPV Quadrivalente

HPV Quadrivalente

Conheça todos os detalhes da Vacina HPV Quadrivalente:

Esta vacina é indicada para:


Adolescentes

Adultos

Crianças

Compartilhar com

Compartilhar com Facebook Compartilhar com Twitter Compartilhar com Whatsapp

O que previne?

Além dos sorotipos 16 e 18 contra os quais a vacina HPV bivalente confere proteção, a vacina HPV quadrivalente previne também infecções pelos sorotipos 6 e 11, responsáveis por 90% das verrugas na região genital.

Indicações

A infecção causada pelo HPV pode ocorrer em mulheres sexualmente ativas em qualquer idade, porém o pico de incidência ocorre logo após o início da vida sexual, antes dos 25 anos de idade. Mesmo que a taxa diminua a partir desta faixa etária, mulheres com idade superior a 25 anos também estão suscetíveis à infecção pelo vírus. A recomendação é que crianças e adolescentes sejam vacinados antes de iniciarem a vida sexual. 

A vacina HPV quadrivalente está licenciada para mulheres de 9 a 45 anos e homens de 9 a 26 anos. A vacina HPV bivalente está licenciada somente para mulheres a partir de 9 anos, sem limite superior de idade

Doses

Para crianças de 9 a 14 anos, a vacina HPV quadrivalente é recomendada em 2 doses com intervalo de 6 meses entre elas.

Para indivíduos a partir de 15 anos de idade são indicadas três doses, sendo, a segunda 1 ou 2 meses após a primeira e a terceira, seis meses após a primeira.

Contra-indicações

A vacina é contraindicada para gestantes; pessoas com histórico de anafilaxia a vacina ou a algum de seus componentes. Para pessoas que estejam com febre no dia da aplicação, é recomendado adiar a vacinação.

Reações Adversas

A vacina é bem segura e apresenta poucas chances de reações adversas. Os sintomas mais comuns que podem acontecer são:

  • Dor de cabeça;
  • Febre;
  • Reações no local da aplicação (dor, vermelhidão e inchaço);
  • Fadiga e mal-estar;

Síncope de origem vaso vagal.

Do que é feita?

A vacina quadrivalente é uma vacina inativada, composta pelas proteínas L1 dos papilomavírus humano (HPV) tipos 6,11,16 e 18. Contém também sulfato de hidroxifosfato de alumínio, cloreto de sódio, L-histidina, polissorbato 80, borato de sódio e água para injeção.

Local de aplicação

A orientação é para que a vacina seja aplicada por via intramuscular.

Comparativo entre Vacinas

Vacinas Particulares

  • Disponível

Vacinas Setor Público

  • Disponível para crianças de 9 aos 14 anos de idade.
  • É oferecida nos CRIEs para pacientes com comorbidades em faixa etária mais estendida.

Matérias relacionadas

Vacinas

HPV na boca: entenda o que é, quais os sintomas e como tratar